A 3ª edição da Olimpíada Matemágica, da etapa de 1º ao 5º ano, começou no dia 1º de julho fazendo um passeio pelos 55 anos do Colégio João XXIII e homenageando Procópio Mendonça, ex-professor da Escola e criador dos jogos boole. 

Os jogos visam o desenvolvimento da capacidade de raciocínio lógico por meio de histórias construídas sobre estruturas lógico-matemáticas, sob a forma de enigmas ou problemas. As histórias são trabalhadas e resolvidas por meio de cartas e o nome é uma homenagem ao matemático George Boole, um dos criadores da matemática utilizada nos computadores de hoje, a Álgebra. 

Além dos jogos, disponíveis também para as famílias experimentarem com as crianças durante os horários de entrada e saída do Colégio, da exposição sobre Matemáticos e desafios, o 5° ano recebeu os ex-professores de Matemática Nubem Medeiros e Olga Rejane, mais conhecida como Jô, e Dora Anita e Helena Mello, esposa e filha do professor Procópio, criador dos jogos.

O pensamento lógico e a importância da matemática para a vida foram os temas do encontro, na quarta-feira, 4/07, no Auditório. “A matemática é para fazer as pessoas felizes, ela tem que trazer felicidade”, afirma Nubem. Mateus Borges, do 5º ano, concorda e complementa: “A matemática é usada em tudo que envolve lógica. Para os endereços, as horas, as receitas de bolo”. 

Nas próximas duas semanas, as crianças seguem envolvidas com a Olimpíada. Os jogos de diferentes cantos do mundo, desafios de álgebra, jogos de tabuleiro e desafios fazem parte da programação dos dias 8 a 12/07.  

“Colocando-se à prova”- atividades de avaliação dos saberes e desafios de geometria é o tema da última semana. Os 4º e 5º anos terão provas e do 1º ao 3º ano haverá atividades avaliativas especiais.