João XXIII divulga medidas de cuidados à saúde e promove aprendizagens contextualizadas

Atento ao coronavírus, o Colégio João XXIII está promovendo ações internas de prevenção, incluindo trabalhos educativos realizados com os estudantes. Entre as medidas administrativas estão o isolamento do jato para a boca dos bebedouros, a distribuição de álcool gel para todos os setores, a intensificação da higiene dos espaços, a solicitação de manter os ambientes arejados, a monitoração das famílias que chegaram do exterior e a criação do Comitê de Gestão do COVID-19, que vai acompanhar diariamente os protocolos relacionados ao vírus e indicar as ações necessárias a serem tomadas. Em aula, a equipe de professores está atenta aos sintomas e trabalha diariamente com as crianças e os jovens sobre a importância dos hábitos de higiene. 

O 5º ano do Ensino Fundamental aproveitou o assunto para dar início aos estudos sobre microrganismos. “Normalmente começamos o ano letivo abordando questões ambientais, mas agora o enfoque foi o coronavírus. Ou seja, os microrganismos”, explica a professora de Ciências Marilei Weiss. Por meio de pesquisas, os estudantes descobriram que o coronavírus é um organismo que precisa de uma célula para sobreviver. No Laboratório de Ciências, apoiados pela professora e pela laboratorista Juliete Claro, as turmas aprenderam as diferenças entre célula vegetal e célula animal. Também confeccionaram cartazes com dicas de prevenção e estão planejando uma conversa com as crianças do turno da tarde sobre os cuidados com a higiene e a saúde.

A primeira aula virtual de Química, no João 24 horas, também traz um vídeo explicativo sobre como lavar as mãos de forma eficiente. No vídeo, a professora Paula Poli e a laboratorista Juliete chamam atenção para a necessidade de lavar embaixo das unhas e fechar a torneira com auxílio de papel.  

Na semana que vem, estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio vão participar de oficinas de álcool gel com os professores da área da Ciências da Natureza Paula Poli e Guy Barros Barcellos. Em cada ano ou série, a atividade será direcionada para os conteúdos curriculares programados. Os estudantes do 7º e 8º ano, por exemplo, vão vivenciar na prática a compreensão da ação do álcool gel sobre as proteínas da cápsula viral e de outros microrganismos. A aula será conduzida por Guy e pelo colega mestrando em Educação Química, na UFRGS, José Borba. 

No dia 18 de março,  a comunidade escolar está convidada para o dia intensivo de cuidados à saúde. “João na prevenção” vai dar visibilidade para as ações preventivas realizadas no cotidiano, principalmente ao trabalho educativo que vem sendo construído junto às crianças e aos jovens. Farão parte da programação, a oficina de álcool gel e a exposição e os relatos de trabalhos produzidos pelos estudantes. 

Na última reunião de Diretoria, na sexta-feira, 13 de março, os diretores não descartaram a possibilidade de fechamento da Escola. “Hoje podemos dizer que a Escola não será fechada, conforme indicam os protocolos oficiais, mas entendemos que esta informação pode mudar a qualquer momento e isso será comunicado imediatamente para todos”, diz a carta enviada para os responsáveis.

Contamos com o apoio de toda a comunidade, principalmente monitorando os estudantes e seus contatos próximos. Na presença de qualquer um dos seguintes sintomas - tosse, febre alta, coriza, dor de cabeça, falta de ar - ou contato com caso suspeito, evite trazer o estudante para o Colégio e avise a secretaria da etapa”, orienta a presidente da Fundação Educacional João XXIII Aline Portanova.

Para lembrar: como reduzir o risco de infecção?

-Evite aglomerações e ambientes sem ventilação adequada.

-Evite contato próximo com pessoas doentes, ou com sinais ou sintomas respiratórios.

-Tenha precaução com objetos possivelmente contaminados (corrimãos, maçanetas, celulares, interruptores, torneiras, carrinhos de supermercado).

-Lave cuidadosamente as mãos com água e sabão por pelo menos 20 segundos, com muita frequência. Na falta, friccione-as com álcool em gel em concentrações ≥ 60% até 70%. Sempre evite tocar olhos, nariz e boca.

Assista o passo a passo de como lavar as mãos aqui: